quinta-feira, 5 de novembro de 2015

IRA QUE



IRA QUÊ ?   (21 março 2003)

-Quê ira é essa que me deságua?
Ao ver a ONU esmagada
Pela falocraCIA do império do norte -
Da morte de mártires iraquianos
Em nome da farsa consumista
Desses capitalistas perversos republicanos
Liderados por um Bush nazi-fascistas
E por um trabalhista... imperialista!
-Quê ira é essa que me transita?
E me indigna e me afasta da vida
Dessa vida desumana
Com seus mísseis e belicismos
-Quê ira é essa?
IRA QUE! IRAQUE! IRAQUE!
IRA que pede, grita, conclama:
Que todos saiam às ruas
E internets da vida
Que todos gritem pela paz! PAZ
-Saddam Hussein não é tirano
Nem um ditador!
Porque, a verdade seja dita:
Dita-dor é o nazi-Bush assassino
Sobre o qual eu despejo a minha IRA!

(Magnífica (p.62) – Joyce Pires – letra
  da música 343, em 23 ago 2003)

Nenhum comentário: